Postagens

Mostrando postagens de 2015

Crença

Ainda acredito na humanidade, sinto ainda esperança. No final das contas tentam tocar a felicidade mas erguem muralhas e espigões que tão altos se projetam dilaceram uniões crescem sombras no meio da cidade a alegria que ostentam a destruição que causam a dor que sustentam os afastam da promessa os separam da beleza alargam as distâncias. Só acredito na humanidade porque sendo humano ainda sinto que tudo isso está errado. Creio que muitos sentem mesmo sem saber o que fazer sem saber como agir sem saber como acompanhar tantas transformações tantas máformações. E no entanto o sentimento de absurdo o incômodo o horror

Haloween

Imagem
Adoro o Halloween.

O dia que o feio, o morto e o demoníaco se tornam comuns, divertidos e belos.

O dia que a morte ganha toda vida do mundo.

Fotografia: Fabio Teixeira
Makeup: Mayara Foscolo
Modelo: Luiza Uira

Encontro das Águas

Imagem
Encontro das águas
Não é a primeira vez que assisto ao espetáculo de pesquisa em dança de Regina Perocini. Pode haver estranheza nas palavras “pesquisa” e “dança”, mas é disso também que se trata. A dança enquanto área de conhecimento, cria, descobre, redescobre, reorganiza e fornece novos saberes ao homem, como qualquer outra área que tradicionalmente chamamos de acadêmica. Sendo assim, este estudo, que se tornou um espetáculo, bebeu em fontes da cultura religiosa e musical brasileira e nos trouxe em forma de dança, música e performance sonora uma experiência louvável.
Quando vejo algo assim lembro que não há limites para a dança. A palavra dança associa-se quase que naturalmente ao movimento, ritmo e expressão corporal. Mas não é só isso. Vi neste espetáculos formação de imagens quase arquetípicas, efeitos visuais simples e belos, efeitos acústicos e sonoros que me fizeram arrepiar, uma história pra se contar, poesia em verso e prosa, música com vozes nobres e, claro, teve dança també…